Caso Paloma

Ontem (02) no distrito do Bravo aconteceu uma manifestação em apoio a família, e perdi Paz e justiça, a manifestação aconteceu por volta das 13:00hs.

Veja o vídeo abaixo: 
   


Segundo informações passadas para a polícia, o tiro foi disparado durante um encontro entre cinco adolescentes – três garotas e dois garotos - na Fazenda Manda Saia. A jovem marcou de se encontrar com um amigo pelo Facebook para irem ao parque de moto, onde os demais estavam.
De acordo com o titular da 1ª Coordenadoria de Polícia do Interior (Coorpin/Feira de Santana), Ricardo Costa, o namorado de Paloma é o principal suspeito de cometer o crime. Ele teria disparado o tiro, após a vítima se recusar a fazer sexo com ele, em um dos quartos da casa, na fazenda.
A amiga encontrou a vítima agonizando e tentou socorrê-la. De acordo com relatos de familiares, um dos garotos entrou em luta corporal com o autor do tiro e socorreu a vítima em uma moto.

Por meio de nota, o Hospital Estadual da Criança informou que “durante o período de internação, todas as medidas médicas possíveis foram tomadas, entretanto não foi possível reverter o quadro”.
Ainda segundo informações, ela sofria bullying do autor do tiro, que teria tentado impedir o socorro e teria sugerido enterrá-la viva. Revoltados com o crime, amigos e parentes de Paloma realizaram uma manifestação na tarde de quinta-feira pedindo justiça. 

Postagens mais visitadas deste blog

Tio mata sobrinho a pauladas após discussão

Recurso ao TJBA objetiva bloquear R$ 11 milhões do Município de Serra Preta, ativo financeiro é oriundo da União em pagamento de precatório e não consta no orçamento municipal de 2016

Polícia prende suspeita de envolvimento na morte de empresário da Telexfree